Se…

Eu acho que posso dizer estas coisas porque não sou líder de massas, não sou figura pública, aliás nem figura sou. O pessoal do emprego – menos a minha gémea M. – não sabe que eu tenho um blog e que vou escrevendo umas patetices, por isso acho que posso escrever isto.
Aliás, pensando bem, eu escrever isto só deve interessar mesmo a mim e a mais ninguém. Quem cá vier parar, “residente” ou “visitantes”, e no momento em que estiver a ler, vai pensar
– E eu com isso ?!

O que é certo é que ainda não voto em Portugal, simplesmente porque a burocracia acaba normalmente com a minha vontade de tratar de documentos quando esse “tratar” se resume a mais do que, já complicados, 3 ou 4 passos.

Ainda não voto cá porque ainda não tenho cartão de eleitor, problema que se resolverá quando eu tiver o cartão único (como é que se chama?) e não precisar de testemunhas (que não preciso de conhecer) a atestar que moro onde as finanças dizem que eu moro, onde a EDP diz que eu moro, onde a minha agência bancária diz que eu moro, onde a Zon tv cabo sabe que eu moro …

O post resume-se a
Se eu já votasse, em Setembro , votava no PS !!!

15 Respostas to “Se…”

  1. Ferdi Says:

    Kianda, minha querida, saudades.
    Tenho amigo lá de Luanda, autor do Diário da África, que usa muito uma frase curiosa (não sei se dele, ou se emprestada): O português que nos une é o mesmo que nos separa. Usa a respeito da língua, claro está; pois aqui usaria eu uma licença pra afirmar que a burocracia portuguesa que nos une, no pior dos sentidos, nos estorva a todos com sua lógica tortuosa, seja em São Paulo, Luanda ou em Lisboa. Depois da língua, acho que é a burocracia o maior legado dos lusos a todos os países em que um dia eles reinaram.
    Fica bem.

  2. Fernando Baião Says:

    Parece que não é só a lingua e a burocracia que nos une, pelo menos na opinião de um cronista português que escreveu há umas semanas, a propósito da preguiça, do ócio, que na sua terra ” ninguem se queixa, ninguem discute, vai-se sabendo, vai-se vivendo”, afirmando que foi a maior exportação portuguesa, maior ainda que a lingua, pois bastava-lhe ver a vida dos países, anteriormente, colonizados de África e a do Brasil.
    É uma opinião

  3. Paulo Russo Says:

    Perdoem a minha ignorancia, não entendi o ultimo paragrafo da “bloguista”, eu tenho o cartão de cidadão e tirando o tempo de espera por ser uma situação recente e todos querem tratar, não teve nenhuma burocracia foi o documento mais fácil e rápido que tratei em toda a minha vida, apenas levei o meu BI caducado e o NIF e um comprovativo de morada. Já tenho numero de eleitor, porque nao preciso de cartão. Quanto ao votar, é um dever civico de cada cidadão votar já que as eleições tem influencia no modo de vida de cada um dos portugueses (aqueles que tem bilhete e passaporte portugues). Quanto à preguiça etc, os portugueses são reconhecidos na maior parte dos paises para onde emigraram, como um povo trabalhador e exemplar, se calhar porque os preguiçosos vivem outra vez em Portugal🙂

  4. Paulo Russo Says:

    Burocracia!!! tratei do cartão de cidadão num instante 15 minutos(nao conta a espera na fila 2 horas), tratei do contrato de agua, luz, gaz, telefone, internet, TV cabo e satelite, escritura, registo da casa num dia…chamam a isto burocracia??? quando foi da colonização os paises mais burocratas do mundo eram a frança e inglaterra… verdade que Portugal demorou a sair dela, mas dizer que há burocracia em Portugal é no minimo não ter noção do que se diz… até a multa de excesso de velocidade paguei em 10 minutos e fui embra rumo À casa do avó Mario…

  5. jose sonnemberg Says:

    minha querida sobrinha, desculpa mas estás a exagerar.Para ter o cartão de inscrição consular no consulado de Angola em Portugal precisava de um atestado de residencia.Fui à junta de freguesia,preenchi um formulário e vinte minutos depois recebi o atestado de residencia e o cartão de eleitor.Podes crer que é rápido e simples.

  6. kianda Says:

    Ferdi saudades!!! Já acabou a reforma do apê?!🙂
    Ao russo, eu quando falei da burocracia não me referia ao cartão de cidadão, esse veio acabar com alguma burocracia.
    Ao meu querido tio, peço então desculpa (não apresentaste nada da tia?) , eu quando tentei tratar ainda em 7rios, na junta de freguesia pediram-me 2 testemunhas com cartão de eleitor daquela freguesia, para atestarem que vivia naquela freguesia e só assim me poderia registar. Ou eu tive azar ou as coisas evoluiram, felizmente !!!

  7. AL Says:

    Kianda, em Portugal tratar de qualquer coisa é um problema. Primeiro pelo tempo de espera, depois pelos docs que te pedem, e depois se tens que lá voltar, as coisas podem mudar de figura porque dependem muito de quem te atende. Com a resolução da avaria do Magalhães conseguida pela insistencia da Bibas, foi mais um exemplo e uma lição. Mas o tratar do cartão de cidadão está muito organizado e eu até usufrui da fase experimental do tratamento com urgencia e correu muito bem. Confesso que fiquei surpresa.
    Kianda, acho que tens que te dispor a “perder” um tempo e tratar dos assuntos burucráticos de uma vez.
    Bj já de Luanda.

  8. AL Says:

    Burocráticos, sorry.

  9. jose sonnemberg Says:

    Minha querida sobrinha,não apresentei nada da tia,apenas o meu BI tuga.experimenta e vais ver que é simples.Até fiquei admirado

  10. Fernando Baião Says:

    Acho que já estão a bater muito na Kianda e sempre usando o tal de cartão de cidadão, mas esquecem dos outros documentos, das outras repartições, onde a burocracia impera e não é brincadeira, exemplos nas repartições de finanças, nas cãmaras municipais, hospitais públicos, etc, etc. Portugal é um dos países da UE mais burocrática, pelo menos é o que dizem as estatisticas da Comunidade. Então em que ficamos, melhorias claro que houveram, desde o tempo do Salazar, mas também era melhor que não tivessem havido.

  11. Fernando Baião Says:

    dos países mais burocratas e não burocrática, como escrevi

  12. Marpires Says:

    Kianda, isto não está facil para o PS mesmo com a oposição fraquinha que lhe tenta fazer frente. Acho que o Sócrates precisa mesmo do teu votinho!! Trata rapido do cartãozinho para lhe fazeres o favorzinho!!
    Bjs grandes

  13. Paulo Russo Says:

    Meu Querido e idolatrado Pai. A Kianda estava a falar de Portugal, não sei a que te Pais referes. Nos Hospitais Publicos há atrasos nas consultas, nas urgencias não sei de nenhuma borucracia, a minha filha mais velha nasceu num hospital publico e nao tive probs, já tive de recorrer a urgencias e tb não ouve borucracias, problemas existem, borucracias não. Nas finanças entras e sais de la no mesmo dia com o NIF resolvido,imediatamente, problemas como atrasos e má resolução existem, mas borucracia nenhuma. Na camara é normal que seja necessa´rio papeis para certas situações como obras etc, mas isso não é borucracia mas sim necessidade de control, senão iriamos como em certos Paises onde o Lazaro faz predios sem sequer projectos, apenas com miseros 100 usd sai uma licençazinha de esquebra e se depois cair em cima de alguem paciencia… Problemas, atraso, má vontade sim…Borucracia que é o tema pode existir mas nada que mereça perder tempo a falar

  14. XO Says:

    Russo, liga-me ahahah é a sério!

  15. ka..ti..nha Says:

    posso estar a perceber mal isto tudo… mas deixem-me dar-vos conta da minha experiência..

    nas europeias (7junho acho)..mandei sms p um numero 383. recebi numero de inscrição . atraves do telemvel tb acedi á net p ver qual era a seccção de voto do meu numero de inscrito e pronto .. la fui cumprir com o dever cívico.

    bottom line.. n é preciso cartao de eleitor.. ha ja algum tempo..

    qto ao resto.. repartiçoes de finanças e afins .. ponto.. evito pôr lá os pés.. .. mas dantes era traumático.. hj em dia, com net.. tudo flui!

    Ha pontos a melhorar sim.. mas n contando desde o tempo do Salazar (ja n me lembro😉 ).. houve de facto coisas to positivas em termos de alivio burocratico.. lembro-me assim de repente desta situacao do cartao de eleiitor.. e das lojas do cidadao..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: