Conheciam?

Por causa de uma triste notícia, o terramoto do Haiti, ouvi falar de Zilda Arns. Brasileira que infelizmente perdeu a vida na tragédia. Fundadora da Pastoral Criança, dedicou a vida existência a tentar minorar o sofrimento dos que têm menos e a evitar o desperdício da vida. Até ao último minuto…tava em Port’ Principe para uma palestra e foi no fim dessa palestra que se deu o terramoto e ela ficou por baixo dos escombros de um edifício de 3 andares em frente à Igreja Sacré Coeur de Tugeau!
Fiquei apaixonada pela história desta mulher, o extraordinário sucesso do programa criado por Zilda Arns, em conjunto com o arcebisto de Salvador, Geraldo Majella admira pela simplicidade, baseia-se na adopção, por parte das mães de medidas simples mas que podem salvar a vida dos seus filhos.

O mérito da Pastoral da Criança, que se vale do trabalho voluntário – e que ensina as mães a cuidar melhor do desenvolvimento dos filhos em vez de torná-las dependentes de uma organização que o faça – para fazer chegar a quem precisa, medidas simples e com eficácia comprovada, como a aplicação do soro caseiro (2 colheres de sopa de açúcar e uma de sal dissolvidas em 1 litro de água limpa) em crianças desidratadas e a ingestão da multimistura (farinha que aproveita folhas e grãos) para combater a desnutrição.

Quando iniciaram o trabalho, há muitos anos atrás, no Paraná, a mortalidade infantil baixou de 127 mortes em 1000 nascimentos, para 28 mortes.

Parece simples, não é?! Então porquê?!

2 Respostas to “Conheciam?”

  1. Menia de angola Says:

    A Zilda era e vai continuar sendo uma grande referência como édica sanitrista, voluntária e de força de vontade.

    É impossível descrever o tamanho da obra dela. Mais doque salvar vidas ela levou educação e esperança para os esquecidos e sem pedir nada em troca.

    Nos últimos anos ela criou também a pastoral do idoso a fim de cuidar daquelas que já cuidaram e foram abandonados…

    Um exemplo a ser seguido, respeitado e sempre lembrado.

  2. Bibbas Says:

    Passei a conhecer a partir de hoje e a minha continência. Eu trabalhei muito com a Pastoral da Criança em Angola, o conheço um bocado da obra deles no Brasil. Não sabia que ela era a fundadora…Que a sua existência seja a motivação para outros tb fazerem bem…nem que seja com algo muito pequeno, mas que faça a diferença na vida do outro.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: